quinta-feira, 6 de novembro de 2008

Só uma perguntinha...

Quem é que, para além de mim, já não pode ouvir falar em eleições nos Estados Unidos, no Obama e na crise?

5 comentários:

Teté disse...

Presente!

Mais da Maddie, da Joana e da Leonor Cipriano, mais uns quantos casos mediáticos que já enjoam de tão falados... enquanto outros, convenientemente, passam quase despercebidos!

Aquela historieta negra dos ex-governantes que estavam como administradores do BPN, que o governo resolveu nacionalizar, parece que está meio esquecida... em segredo de justiça e mais não sei o quê! E as casas da CML oferecidas a jornalistas e intelectuais por rendas irrisórias, também parece que a andam tentar "apagar".

Raisparta esta malta que nos governa tão mal, enquanto se governa a ela tão bem!!!

Jinho!

Matchbox31 disse...

Ora nem mais, teté!
É exactamente isso. O jornalismo só conta o que interessa, hoje em dia.

Van disse...

Bem, não me importo de ouvir falar no obama porque acho que se fez história. Só espero que ele não se corrompa. Ou que não o matem. Mas que foi um dia histórico foi e, quer queiramos quer não, os resultados destas eleições determinam o nosso proprio futuro...talvez agora o futuro seja mais risonho!

Luz do amanhecer disse...

Aqui está mais uma!
Esse assunto está gasto, visto e comentado até à exaustão!

Matchbox31 disse...

Van: Hás-de comparar os discursos do Obama com os do Martin Luther King e do Kennedy...

Luz: Podes crer, já enjoa há algum tempo...