segunda-feira, 25 de fevereiro de 2008

Desafio II

Em resposta ao desafio que a su me lançou, aqui fica o meu texto com as 12 palavras assinaladas:


As palavras de amor entre dois amantes, são puras, é como se viessem do fundo da alma, para eles, aquele momento em que ficam nos braços um do outro é eterno, é como se todo o universo fosse cúmplice daquele amor. É como se naquele momento, o tempo parasse... como se o céu e o mar se fundissem num só.
Com o amor, a vida de ambos fica como que influenciada pela lua, durante a noite, as estrelas formam uma teia em forma de espiral que se torna numa espécie de manto que ao cair sobre estes amantes, protege a pureza e a entrega do seu amor...

2 comentários:

su disse...

Engraçado...as tuas palavras são idênticas, praticamente, as minhas palavras também...
:))
Mas o teu texto resultou numa belíssima composição super tomântica, como um lindo ramo de rosas que podes oferecer à tua amada. :)))

Não tenho andado com muito tempo para a net (verdade seja dito, nem disposição ou ânimo para tal...) mas vim aqui dar um saltinho para te deixar um beijinho e ver como te "desembaraçaste" do desafio...mas já sabia que estarias muito mais do que à altura!
Fica bem.

Matchbox31 disse...

Lol! Claro que sim... também não tenho tido tempo mas inspiração não me falta. Obrigado, su.