quarta-feira, 12 de setembro de 2007

Mais lenha para a fogueira

Como adorei o post da minha amiga Vanadis sobre as testemunhas de jEOVÁ, não resisto a debruçar-me sobre o assunto... pronto, ok, eu confesso, não resisto é a meter-me ao barulho!
Acontece que, estou bastante bem informado acerca do assunto... não, não sou, nem nunca fui e, posso dizê-lo com toda a certeza, nunca serei testemunha de jEOVÁ (em espanhol diz-se "testigo"... não faz lembrar nada? Tipo... testículo? Como na anedota eh, eh, eh...)!
No entanto, fui casado com uma pessoa que era... e, à falta de algo melhor para fazer (tipo dar cabeçadas nas paredes), assisti a algumas reuniões...
Como hei-de explicar o que sentia quando lá ia?
Ah! Já sei! Para os homens compreenderem: preferia entalar as partes baixas no fecho das calças do que passar lá 5 minutos!
Para as mulheres compreenderem: devia ser algo como preferir ter dores de parto um dia inteiro em vez de passar lá os mesmos 5 minutos!
O que sempre me fez confusão, é como é que há alguém que tenha paciência para perder uma tarde de Domingo a aturar aquela treta, quando podia fazer outra coisa qualquer? Não há nada mais desinteressante, entediante, estupidificante, secante e inútil que desperdiçar tempo de vida assim!
Todos sentadinhos, de fatinho domingueiro, de bíblia numa mão e sentinela na outra (ambas em versão brasileira, claro) a ouvir um toino qualquer a largar parvoíces do tipo:
-Queridos irmãos, o mundo segue um caminho de destruição... - grande novidade! - ... temos que nos refugiar no senhor jEOVÁ!
-Sim, sim... façam isso, enterrem a cabecinha na areia e ponham-se de cuzinho para o ar como as avestruzes que, vão ser salvos de certeza! E talvez ganhem um andar novo também! - pensava eu, rindo-me para dentro.
É que qualquer pessoa, com dois dedinhos de testa, consegue ter uma data de ovelhas atrás! É tão fácil, basta dizer o que eles querem ouvir!
Ainda pensei que podia arranjar maneira de ganhar uns cobres com aquilo... mas, sinceramente, não tinha, nem tenho pachorra para nada que tenha a ver com religião. Aliás, eu odeio religião seja ela qual for, abomino todas as religiões, não passam, pura e simplesmente, de manipulações de massas!

6 comentários:

CEMREMOS disse...

Concordo contigo no que respeita à manipulação de ideias e vontades por parte de qualquer religião. Como já escrevi no blog da Vanadis, detesto que me programem.

Matchbox30 disse...

Se formos "espremer bem" as religiões, vemos que não passam de manipulações!

Vanadis disse...

LOLOL, eu tenho um post na forja, e prometo que faço referencia a este heheheeh, e tb ao da tete :-) hehehehe.

Pois, basta espremer a católica (a que eu mais abomino, a sério, mais até do que a muçulmana) para perceber que todas aquelas doutrinas assentam em mentiras e deturpações dos factos. Por exemplo, a virgem maria...como é que é possivel que nos tempos q correm alguem acredite que uma virgem pode conceber?? a não ser que já existisse inseminação artificial na altura ou que o anjo fosse na verdade um et loiro de olhos azuis...
na verdade, o catolicismo assenta num grande erro (intencional?) de tradução: a palavra correcta seria Dama ou Donzela, e nunca Virgem...

Matchbox30 disse...

Muuuaaaahhhhaaaaa!!!!

Luz do amanhecer disse...

Se posso perguntar porque ias lá? O facto de ser casado com alguém de uma determinada religião não obriga ninguém a assistir a cerimónias religiosas.... Apesar de me custar muito a enterder certas religiões e certos comportamentos na religião católica que já segui faço um esforço (grande) por respeitar.

Matchbox30 disse...

Era mesmo por falta de ocupação...
e também porque queria agradar à rapariga... mas depressa me passou! Lol!
P.S.- Obrigado pela visita Luz do amanhecer