domingo, 30 de setembro de 2007

Uma verdade inconveniente é na verdade entediante

Como os mais atentos já sabem, eu adoro aquelas pequenas maravilhas da natureza (ver vídeo no final do post)... e não, aqueles fenómenos que, infelizmente, estão a acontecer um pouco por todo o mundo e cada vez mais frequentemente...
Ontem, comprei o famosíssimo documentário de Al Gore "Uma verdade inconveniente" precisamente, para ver o alerta que é lançado e perceber a gravidade da situação...
Que desilusão! Aquilo não passa de um show de narcisismo por parte de Al Gore.
Não há nada de novo, só demonstra coisas que alguém que não seja inconsciente já sabe há muito tempo... não é nenhuma novidade...
Aquilo nem parece um documentário! Eu pensava que era como os outros apareciam imagens que tinham comentários por trás. Mas não! É o senhor Al Gore, de ponteiro na mão, indicando gráficos atrás de gráficos e dando informações que já tinham sido dadas por outros há muito tempo.
Ou seja, é como se fosse uma aula de tele-escola! É como se ele estivesse a dar uma aula de hora e meia numa universidade qualquer... e é terrivelmente chato (nem com as piadas secas e previsíveis se safa aliás, até fica mal visto tratar-se de um assunto tão importante!)
O único mérito que lhe dou, é o facto de ter conseguido despertar muita gente que andava completamente tapadinha, para este problema... ainda assim, acho que está mais interessado no dinheiro que ganha a dar palestras pelo mundo inteiro... mas isto, é a minha opinião...

7 comentários:

Vanadis disse...

OK, concordo em parte contigo. Que ele já se fartou de facturar à conta disto. Se bem que as receitas da venda do documentário não sejam para a conta bancária dele, o que ganhou em entrevistas e imagem é...pois.
Mas, é bem verdade que foi este documentário que despertou e alertou muitos tapadinhos, como tu bem dizes. Penso que está talvez catastrófico demais, mas é mesmo uma verdade incoveniente.
Quanto ao entediante, não sei, visto que eu curto gráficos!!! LOL

Matchbox30 disse...

Eu acho que o alerta é apresentado de uma forma demasiado leve para a gravidade que na realidade tem! É um assunto demasiado grave para ser tratado tão levianamente...

Vanadis disse...

Olha, eu já não tenho a certeza da gravidade da situação. Quer dizer, logicamente que é grave, e que se enfrentam alterações climáticas. Mas o clima é a do mais imprevisivel que é...tanto qto sabemos, de repente pode mudar tudo e em vez de aquecimento temos resfriamento, sei lá.
Apenas quero dizer que, se é mesmo isso que se está a passar, então é um pouquinho tarde para o travar. Vale mais estar atento e prevenido.

Matchbox30 disse...

Para o travar e atenção que digo travar e não recuperar, era preciso, pelo menos, regressar à idade média...

Vanadis disse...

Poix...é isso memo. Portanto, resta-nos fazer o que os animais e plantas (e outros reinos que tais) fizeram ao longo dos milhénios (sim, o h tá ali de propósito): adaptação!!

CEMREMOS disse...

Eu uso nas aulas e tem servido exactamente para fazer com que os alunos fiquem a pensar sobre...já não é mau.

Matchbox30 disse...

Sim... é a coisa boa que tem. Porque pra já se apercebeu há muito tempo, não tem interesse nenhum...